domingo, 30 de maio de 2010

.dos mergulhos diários.



Não sei viver no raso. Não gosto de rotina. Talvez seja coisa de sol em áries, ou coisa de ser-humano-que-quer-sempre-mais. Para (re)começar guardo tantas palavras aqui no peito (que se embaralham e brincam de esconder). Na memória também ficam recordações e a vontade de abraçar as mudanças. Desejo sorte e amor na vida. A nós todos: Tim-tim!

"Então eu agradeço, eu tenho medo e espanto e terror e ao mesmo tempo maravilhamento e outras coisas com e sem nome, mas agradeço." (Caio F. Abreu)

6 comentários:

Carina Mota disse...

Nossa! Adorei isso aqui. Uma delícia de lugar. Tô te seguindo!
Abraços e tudo de bom pra ti.
=D

aluisio martins disse...

sou ariano duas vezes e meus 4 subsequentes elementos são fogo, fogo e fogo. Sei bem dessa força, dessa urgencia de vida. Tin Tin

Maria Fernanda Probst disse...

Tim-tim.

Carlos Eduardo Leal disse...

Mônica,
Creio que o raso é para aqueles que tem medo de mergulhar nas palavras e delas obter todo o abismo. De uma ariano para outra, parabéns pelo blog.
Abraços,
Carlos Eduardo
veredaspulsionais.blogspot.com

Camila disse...

sabe o que tenho notado?Que pessoas que não0 curtem a rotina,são as que mais sabem viver.

Lívia Inácio disse...

hahahaha

também sou assim!